Mais uma série incrível: As telefonistas (Las chicas de cable)

Em 1929, quatro mulheres vêm de diferentes partes da Espanha para trabalhar como “garotas do cabo” (operadoras de telefonia) em uma empresa em Madri que vai revolucionar o mundo das telecomunicações. No único lugar que representa progresso e modernidade para as mulheres da época, elas aprendem a lidar com inveja e traição, enquanto embarcam em uma jornada em busca do sucesso.

Olá pessoas, tudo bem?

O Carnaval chegou e passou rapidinho, mas consegui aproveitar bastante, e vocês? Nestes dias, eu conheci uma série incrível, sério, amei demais e precisava indicar para vocês. Sei que no momento, só falam da série espanhola 'La casa de papel", mas "As telefonistas" é outra série espanhola que merece total reconhecimento também.

A trama se passa na década de 1920 e retrata a vida de quatro mulheres. Personagens bem diferentes, mas que trabalham como telefonistas numa mesma empresa. Com o passar do dias, nasce uma grande amizade entre elas, todas se veem envolvidas nos problemas de uma das outras e na segunda temporada, guardam um segredo que se vier a tona, pode destruir todas.

Carlota / Lidia (Alba) / Marga / àngeles
Alba/Lidia é uma mulher que teve uma vida difícil e quando tudo parecia caminhar bem, imprevistos aconteceram. Ela foi presa, culpada por um crime que não cometeu, e para ser liberta precisa cometer um roubo. A vítima seria a empresa de telefonia, a qual, antes, ela precisa conseguir uma vaga no cargo de telefonista. Mas ao descobrir que o seu amor de adolescência é o diretor desta empresa, mais uma vez, os seus planos não saem como o planejado.

Marga é uma jovem do interior que veio para a cidade grande mudar de vida. Após conseguir a vaga, ela pensou em desistir, mas com a insistência da amigas e ao conhecer um novo rapaz, ela decidiu ficar. Entretanto, ela tem muita vergonha de conversar com o rapaz e acaba criando problemas, mentiras desnecessárias.


Carlota é uma jovem de boa família, que tinha tudo, mas que só queria a sua liberdade. Após conseguir a vaga, crê que é o começo desta nova fase, mas a desaprovação do seu pai trará muitos problemas. Além da sua vida sentimental que está uma confusão pois tem um namorado, mas ao mesmo tempo, sente se atraída por uma mulher. 

Ángeles, diferente das outras, já trabalhava na empresa, mas o seu marido não gostava disso. Ela fica indecisa pois ama trabalhar, mas não quer desobedecer o marido. Contudo quando descobre uma traição, percebe que o marido não é como imaginava. E depois de uma sucessão de acontecimentos, sabe que tem um monstro dentro de casa, mas a lei não está do seu lado e ela está presa a ele.

Esta série mostra a desigualdade naquela época (Na verdade, um pouco atual), como algumas mulheres eram vistas porque apenas queriam trabalhar e como eram sujeitas ao marido, não podiam se separar mesmo sendo vítimas de agressão. A série mostra mulheres que estão lutando contra estes esteriótipos, que buscam respeito e o seu lugar no mundo.

Não gosto de triangulo amoroso, porque? Simplesmente, gosto dos dois rapazes!
A série está disponível na netflix e tem duas temporadas, cada uma com oito episódios. A duração dos episódios variam, alguns tem 45 min e outros já chegam a 1h. Eu terminei os dezesseis episódios em apenas três dias, um recorde para mim. Tudo indica que uma terceira temporada está a caminho e não sei se consegui colocar em palavras o quanto esta série é incrível, então, assistam!

Beijos!

5 comentários

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Olá, Esther

    Já assisti a primeira temporada e essa série é muito incrível. Você se apega a todas as personagens, torce e sofre com todas elas.

    São muitas séries para assistir, mas logo devo assistir essa segunda temporada, você me deu um grande incentivo me recordando dessa história ;)

    Bjs :*

    ResponderExcluir
  3. Não conhecia, mas fiquei mega curiosa! :)
    www.styledays.pt

    ResponderExcluir
  4. Oi Esther!
    Eu não sei se essa série vai ser muito do meu agrado, mas até então não tinha visto ninguém indicá-la. Talvez em breve dê uma chance ;)
    Eu achava que não ia gostar de La casa de papel e agora tô quase distribuindo panfletinho na rua pra que vejam! kkkkk
    Bjs
    http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Olá!

    Que dica maravilhosa, sempre passo por essa série e deixo ir sem dar uma segunda chance, mas depois da sua resenha vou assistir o primeiro episódio hoje mesmo, tomara que eu goste.

    Beijos
    http://www.garotasdevorandolivros.com

    ResponderExcluir