Resenha: Amor à moda antiga/ Fabrício Carpinejar


Em seu aniversário de 43 anos, Fabrício Carpinejar ganhou de presente uma velha máquina de escrever Olivetti Lettera 82 verde-esmeralda. Desde esse dia, ele se dedica a escrever nela poemas de amor e a guardá-los como um inventário de seus sentimentos e emoções ao longo de sua carreira. Pela primeira vez, a Belas-Letras publica esses poemas exatamente como os originais foram enviados à editora, em maços de papel despachados pelos Correios, sem nenhum tipo de correção ortográfica, edição ou retoques, inclusive com as próprias anotações à mão feitas pelo próprio Carpinejar. Todos os textos de Amor à Moda Antiga (inclusive este) foram originalmente escritos em máquina de escrever. O resultado é um livro orgânico, singelo e apaixonadamente imperfeito, exatamente como o amor é.
Olá pessoas, tudo bem?

Alguns dias atrás, eu comentei aqui no blog que estava um pouco atarefada e lendo pouco. Então, achei uma solução. Livros de poemas e contos são sempre pequenos e podemos lê-los em um dia...Perfeito, não? O livro da resenha de hoje é  Amor à moda antiga, cedido pela editora Belas Letras.


Antes de mais nada, preciso dizer que... Os poemas foram escritos na máquina de escrever! Gente, eu fiquei apaixonada só por essa informação. E ainda tem mais, os textos não passaram por revisão e, nem nada, foram impressos do jeito que estavam. Maravilhoso!

Os poemas abordam o amor, as situações que todo apaixonado já passou. Sentimentos como saudade, tristeza, paixão, aceitação e mais. Só quero avisar que o título não tem muito a ver com os poemas, acredito que seja pela forma que foram escritos, como já mencionei antes.


Os poemas são bem pequenos e alguns têm apenas uma estrofe. Eu li o livro bem rapidinho e foi uma leitura muito agradável. Como sempre, em livros assim, alguns poemas me agradaram e, outros, nem tantos. Mas é uma ótima obra.


Esse é mais um lindo trabalho da editora Belas Letras com a capa e as folhas muito bem elaboradas. Uma ótima opção de leitura para quem gosta de poemas, mas para quem não gosta, também. Afinal, nunca é tarde pra começar, certo?!

                                     Adquiram aqui!

Beijos!

61 comentários:

  1. Oi Esther, sua linda, tudo bem?
    Achei super criativo a edição da forma original em que os poemas foram escritos. E o uso da máquina de escrever nos dias de hoje, é algo especial e até romântico. Não sou muito de ler livros de poemas, mas Carpinejar é muito famosos e gosto muito do que ele escreve. Com certeza foi para a lista. Sua resenha ficou ótima!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Cila!
      Esse foi o meu primeiro contato com o autor, e gostei demais. Super recomendo!
      Beijos!

      Excluir
  2. Essa edição vale ouro! Linda, linda. E, como você falou, extremamente agradável de ler. Combina com fim de tarde e café, né não?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Thainá!
      Sim, é linda demais! Se for uma tarde chuvosa então... hahaha.
      Beijos!

      Excluir
  3. Fiquei encantada pela ideia desse livro, deve ser muito gostoso de ler todos os poemas assim, tão puros. Já vou anotar no skoob porque quero esse livro!
    Beijos,

    http://lesjoursdemarcela.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Marcela!
      Que bom que gostou! Boa leitura!
      Beijos!

      Excluir
  4. Nossa que demais que foi escrito em máquina de escrever e sem as correções, achei muito autêntico, gostei!
    Beijos

    Www.unhasclassicasemodernas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Juliana!
      Super original né? Que bom que gostou. :)
      Beijos!

      Excluir
  5. oláá! tudo bem?
    que coisa mais linda essa edição!! não conhecia.. mas achei maravilhoso isso dos poemas na máquina de escrever e sem correção assim mesmo, me apaixonei!!
    beeijo

    http://lecaferouge.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Tamara!
      Sim, lindo demais!
      Que bom que gostou!
      Beijos!

      Excluir
  6. Que amor esse livro, amei por ele ser escrito em máquina, deve ser amor puro! ❤

    www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
  7. Olá Esther
    Siiiiiiiim esse livro a gente lê de uma sentada e é maravilindo, poético, adorável e encantador <3
    A diagramação é muito fofis e os textos lindos.
    Gosto muito do Carpinejar e essa ideia do livro em máquina de escrever e sem revisão é espetacular!
    Amei sua resenha <3
    Bjs Luli
    Café com Leitura na Rede

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Luli!
      Fico feli que tenha gostado! Ainda não li muita coisa desse autor, mas pretendo...rs.
      Beijos!

      Excluir
  8. Oie
    Gosto muito da escrita deste autor, e este livro parece ser ótimo. Adoro poemas.

    Beijinhos
    http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Nessa, tudo bem?
      É sim! Super recomendo!
      Beijos!

      Excluir
  9. Nossa que interessante esse livro, eu não curto muito poemas mas este livro me chamou bastante a atenção eu até baixei ele em PDF eu gostei muito dessa frase " Uma criança berra no supermercado. Não lamenta o que aconteceu, seu choro é carregado de futuro"

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá flor, tudo bem?
      Fico muito feliz que tenha gostado! Sim, o poema dessa frase é bem marcante!
      Beijos!

      Excluir
  10. Oiê!
    Confesso, eu não gosto muito de poemas e poesias.
    Mas como gosto do Carpinejar, posso dar uma chance.
    Ainda mais porque foi escrito na máquina de escrever. Amei, amei!

    Beijoooos

    www.casosacasoselivros.com
    www.livrosdateca.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Teca!
      Ah que bom! Afinal, tentar não custa nada né?
      Beijos!

      Excluir
  11. Adoreeei a resenha
    Instagram @brunaestiloitgirl
    Blog | Facebook | Twitter | Canal Youtube 
    Beeijos (:

    ResponderExcluir
  12. Oie Esther =)

    Nunca li nenhum do Fabricio Carpinejar, apesar de seguir o autor no Twitter. Gosto dos textos que ele escreve e do estilo dele, embora livro propriamente dito não tenha lido nenhum rs...

    Beijos;***
    Ane Reis | Blog My Dear Library.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Ariane!
      Eu nem o conhecia,rs. Mas a partir de agora, vou conferir as paginas dele.
      Beijos!

      Excluir
  13. amei a resenha sobre sobre o amor a moda antiga,já vi alguns textos do autor também ,mas ainda não li as obras dele.bjs
    http://unhasdaraquel.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, tudo bem?
      Que bom que gostou! :)
      Beijos!

      Excluir
  14. Oi Esther,

    Nossa que bacana ter sido escrito na máquina de escrever, acho que só por esse detalhe eu já compraria. Eu gosto de livros de poemas e poesias, mas não são todos que me agradam.

    Bjs e uma ótima noite!
    Diário dos Livros
    Siga o Instagram

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Jéssica, tudo bem?
      Sim, nem todos me agradam também, mas gostei desse.
      Beijos!

      Excluir
  15. Oi Ester! Que edição lindíssima! Tenho muita curiosidade em conhecer a escrita do Carpinejar, todo mundo se encanta com os poemas dele <3

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Mi, tudo bem?
      Imagina eu que nem conhecia o autor? hahaha. Mas foi uma ótima experiência.
      Beijos!

      Excluir
  16. O tema já me chamou atenção... relacionamento a moda antiga é tão puroooo rsrs
    Beijos
    Vidrinhos & Feminices
    Fanpage
    Instagram

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Anne, tudo bem?
      Fico feliz que tenha gostado.
      Beijos!

      Excluir
  17. Nossa, esse livro me tocou de verdade! Tb escrevo poesia e isso foi realmente inspirador. Vou tentar encontra-lo para ler integralmente, Obrigada por apresentá-lo a mim. Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Adriana!
      Que legal! Fico feliz que tenha gostado. :)
      Beijos!

      Excluir
  18. Oioi
    Tenho um relacionamento meio complexo com a poesia, preciso estar bem conectada para conseguir apreciar com deve, mas gosto deste livro graficamente ele lindo demais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Daniele?
      Sim! É lindo demais!
      Beijos!

      Excluir
  19. Bom dia, como vai?
    Gostei bastante do seu post, pois desde então acho super lindo poesia.
    beijos
    www.garotadelicada.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, tudo bem?
      Poesia é lindo mesmo!
      Beijos!

      Excluir
  20. Eu amo esse autor ♥ Eu tenho o "Ai meu Deus, Ai meu Jesus" e adorei as crônicas! Gostei de saber desse e que foi escrito inteiro em máquina de escrever ♥


    www.vestindoideias.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Carla!
      Eu não conhecia esse que você citou, mas já anotei aqui.
      Beijos!

      Excluir
  21. ola tudo bem? gosto de poemas e achei lindissima a maneira escrita deles. não conheço o autor mais sua resenha esta convidativa a conhecer. obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Lainizinha!
      Que legal! Espero que goste!
      Beijos!

      Excluir
  22. Adorava os livros do Carpinejar, até que soube que ele é um homem extremamente escroto, enfim, parabéns pela resenha!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, tudo bem?
      Ah, não sabia... :(
      Beijos!

      Excluir
  23. Olá, Esther.
    Eu não leria por não curtir muito o gênero. Mas achei muito legal essa ideia de publicar do jeito que foi escrito pelo autor. Imagine se fizessem isso com todos os livros? hehe

    Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Sil!
      Eu amaria, rs. As edições seriam lindas!
      Beijos!

      Excluir
  24. Eu já gostei do título do livro, gosto de livros de poemas mas confesso que leio muito pouco. Gostaria de ler mais :)

    Beijos,
    Pri
    www.vintagepri.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Pri!
      Ah! Tenta ler mais, é tão bom. Rs
      Beijos!

      Excluir
  25. Oi! Só vim dizer que eu quero emprestado, tá?
    Obrigada, de nada. XD
    Bjs
    http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá querida!
      Vou pensar no seu caso, hahaha. Tô brincando, sei que você cuida bem dos livros.
      Beijos!

      Excluir
  26. Olá!!
    Adorei a sua resenha! Já tinha ouvido falar bem desse livro, e fiquei com muita vontade de ler. Gosto bastante de poemas!
    Beijos

    https://aventureirasliterarias.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  27. Oi. Tudo bem?
    É bom quando a gente acha a cura pra ressaca literária ou um livro que nos coloque no eixo né? hahaha.
    Eu já conhecia esse e acho muito legal o fato de ter sido lançado no formato original, sem qualquer revisão e com rasuras.
    Apesar disso, não leria porque não me interesso muito por poemas hahaha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, tudo bem?
      Ah, que pena! Mas gosto é gosto né?!
      Beijos!

      Excluir
  28. Oi Esther, tudo bem?
    Eu já gostei muito de ler poemas, era uma das leituras preferidas, mas hoje em dia raramente sinto vontade. Pelo que você falou e pelas fotos, dá para perceber o capricho com a publicação e achei muito interessante, terem sido lançados sem revisão. Ótima resenha.
    Bjus
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
  29. Que lindo, nunca tinha visto um livro assim rs. Interessante de mais.

    ResponderExcluir
  30. Adoro os livros do Capirnejar, sou muito fã e sempre leio quando sai. Esse ainda não comprei, mas vou procurar. Acho que o Capirnejar é muito sensível, suas poesias tem um toque que mexem lá no coração. Gosto demais! Sucesso com o blog, adorei sua resenha!

    ResponderExcluir
  31. Olá!
    Gostei muito da indicação, admiro a poesia e já tinha visto esse livro em outros lugares e fiquei com muita vontade de lê-lo.
    Abraços!

    ResponderExcluir
  32. Não conhecia esse livro, agora depois de ler sua resenha fiquei interessado em ler. Parabéns pelo seu blog.

    ResponderExcluir
  33. Olá, tudo bem? Estou encantada com toda a ideia e premissa do livro. Sério, parece ser lindo. Também sou parceira da editora, e se soubesse deste teria pedido. Quem sabe na próxima vez. Gostei muito de como você escreveu a resenha e as fotos, que por sinal estão lindas. Parabéns pelo blog. Beijos!

    ResponderExcluir
  34. Que coisa maravilhosa esse livro, hein! Eu já li um livro do Carpinejar, chamado Biografia de uma árvore, e gostei muito, seus poemas têm muita qualidade. Mas esse, com o detalhe da máquina de escrever, tem muito charme mesmo. Adorei a dica!

    Tatiana

    ResponderExcluir